“SÉQUESSO”

Fev 14, 2011 1 Comentário de

“SÉQUESSO”

por Henrique Raposo [henrique.raposo@gmail.com]

A pátria adora conversar sobre professores. A pátria, porém, nunca fala sobre educação. Portugal ainda arranjou coragem para lidar com este facto: os alunos acabam o secundário sem saber escrever. Parece que os professores vão fazer uma “marcha da indignação”. Pois muito bem. Eu também em vou fazer uma marcha indignada. Vou descer a avenida com a seguinte tarja: “os alunos portugueses conseguem tirar cursos superiores sem saber escrever”.

A coisa mais básica – saber escrever – deixou de ser relevante na escola portuguesa. De quem é a culpa? Dos professores? Certo. Do Ministério? Certo. Mas os principais culpados são os próprios pais. Mães e pais vivem obcecados com o culto decadente da psicologia infantil. Não se pode repreender o “menino” porque isso é excesso de autoridade, diz o psicólogo. Portanto, o petiz pode ser mal-educado para o professor. Não se pode dizer que o “menino” escreve mal porque isso pode afectar a sua auto-estima. Ou seja, o rapazola pode ser burro, desde que seja feliz. O professor não pode marcar trabalhos de casa porque o “menino” deve ter tempo para brincar. Genial: o “menino” pode ser preguiçoso, desde que jogue na consola. Ora, este tal “menino” não passa de um mostrengo nunca reconhece os seus próprios erros; na sua cabeça, “sexo” será sempre “séquesso”. Neste mundo Peter Pan os erros não existem e as coisas até mudam de nome. O “menino” não sabe escrever a palavra “recensão”, mas é um Eça em potência.

Caro leitor, se quer culpar alguém pelo estado lastimável da educação, então, só tem uma coisa a fazer: olhe-se ao espelho. E, já agora, desmarque a próxima consulta do “menino” no psicólogo.

[end story]

Próxima consulta, Temas em Discussão

Sobre o Autor

Tangerina, Educação e Ensino, Ldª. é uma Sociedade constituída exclusivamente por profissionais de educação e responsável por uma Escola Particular com Jardim de Infância (3 a 5 anos), 1º Ciclo do Ensino Básico (6 a 10 anos) e Actividades Extra-curriculares.

Um Comentário sobre ““SÉQUESSO””

  1. Susana S. says:

    Estes textos que aqui li são do melhor. Os meus Parabéns.

    Susana S.

deixe um comentário

Tweeter button Facebook button Myspace button Youtube button